26/07/15

Quando Agosto chegar




Quando Agosto chegar,
há-de vir cheio de sorrisos,
beijos, abraços
e vozes sobrepostas, em alarido.
Pedirá o tilintar dos brindes.
Anunciará conquistas.
Trará a fé recuperada nas poeiras e,
cobrará promessas.
Ordenará ao vento para que
levante o calor da tarde
e deixará que se divirta,
a roubar o sossego ao espanta-espíritos
que mantenho na varanda.
Talvez o vento não espante os espíritos alheios,
mas, deixará, decerto,
o meu em sobressalto,
ainda à espera de te ver a entrar.
Quando Agosto chegar
trará o fogo
para aquecer as areias
que me hão-de queimar os pés
e atiçar a paixão.
Agosto das horas compridas
trará as memórias só minhas e tuas,
de dedos entrelaçados
e dos beijos salgados
àquela hora da tarde
em que o sol lambe o mar.



75 comentários:

VitorNani disse...

Oi, Carmem!
Estou ansioso para Agosto chegar e trazer um pouco de calor!
Chega de frio.
Lindo poema!
Abraços e boa semana!

manuela barroso disse...

Um Agosto vivido com a paixão que nos deve exaltar cada dia . E nada espantará a entrada do amor
Belo como
A sua sensibilidade. Carmen
Bji

Luis Filipe Gomes disse...

Muito muito belo!

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Belo blog. Uma maravilhosa semana... BOA NOITE

Nadja disse...


Lindo, lindo Carmem!
Que Agosto seja bem vindo em nossa vida!
Eu não gosto muito dele, sabe?
Mas torço para que traga mais Amor e Paz entre as pessoas de bom coração e de coração mau.

Linda semana com muita fé!

Bjksss

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Para mim o Agosto vai trazer umas férias.
Um abraço e boa semana.

Jossara Bes disse...

Oi, Carmem!
Que assim seja!
Linda poesia!Expectativa de romance!
Beijo carinhoso!
Feliz semana!

Arco-Íris de Frida disse...

Lindooooo esse poema... que entao agosto venha, trazendo calor e amor...

Beijos...

Catarina H. disse...

Agosto está quase, quase a chegar. E com ele chegam muitos emigrantes, aqui aos meus lados. Aproveitam estes dias para rever a sua família e o seu país.
E já diziam os antigos: "Agosto, sol no rosto" :) Sinónimo de calor, praia e férias para muitos.
Belo poema deste mês de Verão.
Beijinhos e boa semana!

Irene Alves disse...

Agosto em Portugal é o mês de muitos reencontros.
Das famílias perdidas por esse mundo fora e
que regressam às suas terras, às suas famílias.
Eu aguardo mas ainda em Julho - dia 30 - e esta
espera custa!!!
Bj. amiga
Irene Alves

Mariangela do Lago Vieira disse...

E viva Agosto! Que seja repleto de surpresas boas,
e muitas alegrias.
Que inspiração lindíssima Carmem!
Beijos, uma linda semana!
Mariangela

A Casa Madeira disse...

Oi Carmem belo poema;
mas por aqui não vejo a hora dele chegar e passar
logo; está uma umidade que nunca tinha visto igual...
sem contar nas enchentes que estão assolando muitas cidades.
O sol que aparece não dá conta... Só o verão mesmo para dar
uma ajudinha.
Boa semana.
Janicce.

Acordar Sonhando . SOL da Esteva disse...

Que se prolongue o Agosto
No seu ar e seu sabor.
Mesmo além do seu rosto
Há sempre noites de Amor.



Beijos



SOL

Marta Vinhais disse...

O reencontro, o sorriso mais solto, porque o tempo é finalmente nosso...
Obrigada pela visita
Beijos e abraços
Marta

Elvira Carvalho disse...

Pois que chegue Agosto. Para mim um mês feliz já que foi nele que casei.
Um abraço e uma boa semana

Guaraciaba Perides disse...

De todos os meses venham sempre os nossos melhores sonhos realizados...Feliz e gostoso Agosto.
Um abraço

Clau disse...

Oi Carmem,
Que belas palavras...
Agosto há de trazer coisas boas e alegres,
para todos nós!
Achei lindo o poema e a imagem...
Ótima semana. Beijos!

O meu pensamento viaja disse...

Ai! Que lindo! Ai! Que saudade!
quem mandou abrir assim a porta das recordações? Quem?
Ai!!!
Beijo

Sissi Ino disse...

Para uns Agosto é sinónimo de férias, praia, lamento dizer que é um mês que eu espero sempre que passe rápido. Anda sempre muita gente na estrada, nas praias, ir às compras é um tormento, sem falar que contrariamente ao que se pensa, é sempre um mês muito complicado no hospital. Mas para quem gosta e vai entrar de férias, espero que seja tudo o que desejam. Belo poema. Bjs

MARIPA disse...


Olá, Carmem

O agosto está mesmo a chegar, falta pouquinho, pouquinho... Que traga dias amenos_ com calor q.b._ e sem vento... Não gostava de sentir os espanta-espíritos sem sossego e muito menos o seu espírito. Será um mês de alegrias, desejo-lhas do coração.

O poema é lindo demais. Faz-me lembrar outros agostos meus...

Beijinho,minha querida.

Lune Fragmentos da noite com flores disse...

Olá Carmen,

Adorei seu poema. O mais belo poema sobre o mês de Agosto que já li. Intenso, como são os dias quentes de verão, o pôr-do-sol mais abrasivo para um céu que adormece. O meu mês de eleição.

Acho que vou guardar. E sempre que Agosto se adentre, virei até aqui absorver estas imagens quentes, cheias de sensações boas que só o mês de Agosto traz.

Agosto, mês de encantamento, e de tudo o que nele sonhamos.

Um beijo,

Manuel disse...

Realmente em Agosto é um mês de muitas emoções.
Sol, calor, praias e férias.
É muito desejado, este poema é uma justa homenagem.
Um beijo



Rita Freitas disse...

E que assim seja o mês de Agosto :)

Beijinhos

António Jesus Batalha disse...

Ao passar pela net afim de encontrar novos amigos e divulgar o meu blog, me deparei com o seu que muito admiro e lhe dou os parabéns, pois é daqueles blogs que gostaria que fizesse parte de meus amigos virtuais.
Pois se desejar visite o Peregrino E Servo. Leia alguma coisa e se gostar siga, Saiba porém que sempre vou retribuir seguindo também o seu blog.
Minhas cordiais saudações, e um obrigado.
António Batalha.

Brisa disse...

Oá Carmen...

Esta poesia intensa tem calor,paixão e amor...Agosto,um mês quente,ardente...assim temos de fazer com que sejam todos os outros... :)

Beijinho

heretico disse...

belíssimo - como o Luar de Agosto!

(ou o calor...)

beijo

Emília Pinto disse...

E o Agosto está aí à porta e muitos não a deixarão sempre à espera de ouvir o barulho de um carro ou o chamamento alegre de alguém muito esperado. É tempo de grande contentamento com a chegada de filhos e netos que se viram obrigados a partir para outras paragens. Para mim também é um mês especial não por esperar alguém, mas por ter sido o mês escolhido para o meu casamento, há 40 anos.
Além de te dar os parabéns pelo belo poema a este nosso mês de Verão e férias, quero também desejar que ele te traga beijos e abraços, muito sol e tudo o que dele mais desejares. Beijinhos de grande amizade, Carmem
Emília

MARILENE disse...

Uma espera lindamente descrita! Há promessas no ar e agito no coração. Gostei muito. Bjs.

mz disse...

Agosto é assim, cheio de tudo.
Está quase aí :)

Bjs

Lilasesazuis Gata disse...

Carmem, meu blogroll não estava atualizando seu blog.

Tive que apagá-lo e colocá-lo novamente...agora acho que vai...rsrsrr....

Ah, que lindos versos!!!!

Por aqui, agosto traz ventos, muitos ventos...e eu adoro ver as folhinhas rodopiarem por ai...

beijinhos, querida,

Lígia e =^.^=

Bolhinhas de Sabão para Maria disse...

Carmem, que espera maravilhosa! Que nosso agosto seja assim, cheio de emoções fortes, de alegrias, de sensações únicas... Que venha saudável e cheio de esperança... Tomara!

Um beijo doce no coração!

Tê e Maria ♥

Jaime Portela disse...

Um poema de verão... e magnífico.
Gostei imenso.
Carmem, tenha um bom resto de semana.
Beijinhos.

Moacir Willmondes disse...

Bravo, bravíssimo, Carmem!

P' disse...

Lindo poema :) Agosto vai trazer muita coisa boa pelo que vejo :D

Suzete Brainer disse...

O mês de agosto inscrito de poesia,
ricamente descrito de uma beleza comovente...
Fiquei encantada, Carmem!
Bjos.

Graça Pires disse...

Agosto chega amanhã e já nos trouxe este belo poema. O nosso corpo e a nossa alma disponíveis para todas as emoções...
Um beijo.

Marineide Dan Ribeiro disse...

Quando eu morei na Europa, agosto significava muito calor!!! agosto é verão na Europa, portanto eu adorava porque morava na praia!
Aqui agosto é marcado por muitas tragédias, mas por outro lado é o fim dos dias frios do pouco inverno que temos...Que venha então e que seja um mês maravilhoso para todos nós!

Um abraço!

Andreia Morais disse...

Que lindo! Agosto está mesmo aí à porta *.*

r: É isso mesmo, temos que relembrar a importância que as pessoas têm na nossa vida :)

Beijinhos*

Ani Braga disse...

Oi Carmem querida


Que assim seja.
Que o mês de Agosto nos traga muitas felicidades.



Beijos
Ani

cris braghetto disse...

Olá, Carmem.
Que lindo!
Agosto é um mês de luz. Mês do nascimento da minha filha.
Em São Paulo, é um mês de dias secos, manhãs geladas e tardes quentes.
Que o seu agosto seja lindo!
Abraços e lindo domingo.

Ghost e Bindi disse...

Seu poema é admirável, Carmem, criativo, cativante...agosto aqui no Brasil ainda é um mês invernal, de um inverno que tem sido excessivamente úmido, mas sei que para os europeus, é a dádiva do sol após longos meses gelados, e tem gosto de sal e areia...
Um abraço grande!

Bíndi e Ghost

Eliene de castro bittencourt disse...

Enfim Carmen agosto chegou. Espero sinceramente que traga o fogo para aquecer o tempo irradiando um pouco de calor, pois por aqui o vento manda dizer que marcará presença nas noites frias e ainda chuvosas. Abraços amiga... agradeço a visita maravilhosa. Beijus.

Isabel disse...

Ele já aí está!

Que seja um bom mês, com mar, sol e poesia.

Gostei do texto e da foto:)

Beijinhos:)

Ana Tapadas disse...

Agosto chegou...também na leitura deste teu belo poema!

Beijo

ReltiH disse...

MUY BONITO AUGURIO.
ABRAZOS

Boop disse...

Que venha Agosto!
Há dois anos que não tenho férias com o Mr Boop, que no ano passado trocou as férias em família pela missão no Sudão do Sul.
Vai-me saber muito bem este Agosto!
Que venham o fogo, as horas compridas, as memórias, os beijos, o sol e o mar.
:)

✿ chica disse...

Linda espera,Carmem e que agosto seja realmente tudo que desejas! bjs, chica

Dorli Ramos disse...

Oi Carmem
Saudades de você
Essa poesia é de tirar o fôlego
Beijos
Dorli Ramos

manuela barroso disse...

Agosto chegou!
Esperemos que nos traga , pelo menos, as recordações que nos façam sorrir.
Poema real, cheio de música! :)
Beijinho

Vera Lúcia disse...


Poema lindo, Carmem.
Nunca tinha visto um Agosto tão calorosamente esperado e poetizado. Somente depois me dei conta do porquê, já que este mês, para vocês, é um mês bastante aprazível, de verão, rencontros e férias. Para mim, agosto é o mês menos atraente. Pela primeira vez saio de férias neste mês. Gosto mesmo é de setembro, mês adorável.
Fiquei encantada com o poema.
Que agosto lhe traga os sorrisos desejados e que seja um mês especialmente feliz em sua vida.

Até setembro!

Beijo.

Ana Freire disse...

Lindíssimo poema, pleno de energia, vitalidade, e alegria, tal como a cumplicidade do céu, do sol, e do mar, em pleno mês de Agosto.
Como sempre, a Carmem sabe como ninguém mostrar a conjugação perfeita, entre a beleza e a força das palavras...
Adorei o poema!!!
Tardando por aqui... mas não falhando... porque estes últimos dias, têm sido super preenchidos... e aproveitando para deixar um beijo imenso e me despedir, por um tempinho, agradecendo toda a simpatia, e atenção sempre dispensadas em cada visita, no nosso canto...
Um até breve... que o tempo rapidamente determina, que seja um até já!
Beijinhos
Ana

Mar Arável disse...

Que vivam todos os apeadeiros

Maria Rodrigues disse...

Agosto, pleno de recordações, sol e mar.
Lindo poema.
Beijinhos
Maria

Lourdinha Vilela disse...

Lindo e caliente esse poema. A foto também é maravilhosa. Um abraço.

Van disse...

Oi Carmem

Mas, que coisa mais linda!
Agosto ganhou roupagem de felicidade costurada pelo otimismo.
Que você tenha 11 agostos por ano, o sol morando dentro de você.

Beijos

Pedro Luso disse...

Que bom, Carmem, ter-se um mês (agosto) pleno de otimismo, tão escasso aqui no Brasil.
Abraços.

Lu Nogfer disse...

Que lindo poema, amiga! E que tenhamos um delicioso agosto ja na espera de setembro para colorir os caminhos.

ps: Obrigada pela companhia mesmo em minha meia ausência. Espero o mais breve possível poder postar com mais frequência nos bloguitos.

Beijos e o meu carinho.

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa tarde, que este Agosto lhe traga magnificas ferias e muita felicidade.
AG

Maré Viva disse...

Agosto chegou
não me trouxe sorrisos nem alarido
mas trouxe uma maré tão viva que afogou
tudo o que havia florido.

Beijos.

Pérola disse...

Agosto esteve quente, refrescou e dizem que vai voltar a aquecer.

Veremos

Beijinhos

Maria Eu disse...

E veio Agosto, sempre com aquela nostalgia dos dias com sabor a (a)mar.

Beijinhos, Carmem. :)

Gaby Soncini disse...

Que agosto tenha toda a beleza do seu poema!

Beijos!

luisa disse...

Agosto... mês de amores. :)

Marisa Giglio disse...

Espero que agosto nos traga o proposto por seu belo poema , Carmem . Beijos

Olinda Melo disse...


Bom dia, Carmem

Já em pleno Agosto e tendo o grande prazer de ler este seu poema tão fresco e cheio de esperança. Daqui deste lado algumas dessas coisas têm acontecido e outras nem por isso. Mas, sempre com o lado positivo da vida no coração e fazendo tudo para que os dias decorram "do lado do sol", como aqui nos propõe. Depois de uns meses extenuantes, aliás, ainda em curso, sabe bem vir até aqui e encontrar este clima de paz e afeição.

Bom domingo.

Bj

Olinda

Maré Viva disse...

Obrigada pela visita e por ter trazido o mar consigo...estamos em Agosto e até o mar vem por gosto.
Beijos.

Manuel disse...

Parece que o poema se está a concretizar.
Boa semana!

Bandys disse...

Que lindo poema.

A gosto de deus.

beijos, paz e luz

Magia da Inês disse...

✿˚° ·.

Que Agosto traga tudo de bom para todos nós.
Seu poema é delicioso!!!

Tenha um bom dia.
Beijinhos.
♪♬ه° ·.

manuela barroso disse...

Agosto já vai quase mo meio; e ainda "ontem" ele começava com a sua poesia encantadora. Embora a luz comece a recolher-e mais cedo, procura-se sempre o "lado do sol" no dia seguinte!
Beijinho Carmen
e que o sol a ilumine. Sempre!

lis disse...

E corre o mês de agosto da forma como descreves poeticamente e lindamente.
És uma doce poeta que brinca com as palavras e as faz dançar diante do cotidiano dos dias.
Lindo Carmem

Labirinto de Emoções disse...

Olá Carmem
O meu Agosto jé chegou ... com ele veio o sol que me aquece a alma e a saudade de quem já partiu neste mês de Agosto...
O poema é lindo como todosos que escreve.
Beijinho e bom fim de semana
Teresa

EU disse...

Muito belo e poético este teu agosto, Carmen.
Por cá, entre o calor e as férias, abraçar-se-ão os afetos que andaram, quase um ano, por outros lados...
Bjo, amiga :)

A Casa Madeira disse...

Oi Carmem! passei para te desejar um bom final de semana;
E dizer que adoramos a sua participação lá na casa o seu complemento
sobre o ócio e sua partilha dos seus momentos...
Um blog só se faz de verdade; com os momentos e idéias que compartilhamos.
Abraços
Janicce.

Marieta Mello Koerig disse...

Querida Carmem,
Depois de muito procurar, encontrei o local dos comentários. rsrsr Na verdade estive ausente por longos meses em virtude da doença de meu marido que veio a falecer no dia 27.02 do corrente ano. Foi muito doloroso para toda a família, pois foi um pai, avô e bisavô exemplar e nos deixou um lindo legado e muita saudade.
Quanto a minha ocupação agora é pôr em dia muita coisa atrasada inclusive visitar meus médicos que há muito não os consulto em virtude do que já falei.
Espero que tudo esteja normal, a não ser minha artrose que está cada dia pior, acho que vou ter de partir para mais uma cirurgia, pois o joelho direito já foi operado, agora é o esquerdo que me incomoda muito.
Qualquer dia colocarei mais uma tela, se Deus quiser.
O grande e afetuoso abraço, amiga de além mar.