16/12/14

Um doce bom



Tu és o quê da minha vida.
És assim
Como um doce bom
A meio da tarde
A adoçar
Este viver amargurado.
No teu sorriso
É que encontro o alento.
Pois se és tu
Quem me move para diante
Por estes caminhos áridos
Que deu-me Deus para eu trilhar,
Que venham mil e uma tempestades,
Que corram rios de infâmia
Que não preciso de mais nada,
Pois que consegui a plenitude.
És o meu amor sem medida.
Por ti eu vivo
Por ti eu respiro,
E não um respirar qualquer.
Respiro
Ao ritmo desse teu coração alegre.
Sabes que a vida é uma só.
Então anda,
Vem,
Dá-me tua mão,
Que irei gastá-la
A amar-te.








11 comentários:

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Linda poesia de amor.
Adorei amiga Carmem.
bjs-Carmen Lúcia.

Ivone disse...

Lindíssimo poema, o amor inspira, nos faz viver e reviver!
Adorei ler!
Abraços apertados!

Jeanne Geyer disse...

um lindo e doce amor, o amor colore a vida! bjs

Nidja Andrade disse...

A única coisa que nos resta é vivenciar o momento, pois o tempo reserva sempre coisas imprevisíveis. Que poesia mais doce!...
Um Natal muito feliz!...
AbraçooO

ReltiH disse...

ARMONÍA TOTAL!!!
ABRAZOS

Pérola disse...

E quem não gosta de um doce?


E como pode viciar.
Ah! Se pode!

Beijinhos

Regina Magnabosco disse...

Só mesmo o amor tem tamanho poder.

Lu Nogfer disse...

Oi Carmem.

Lindos versos de amor e cumplicidade!
Onde ha amor tudo se completa!

Minha querida, o ano esta chegando ao fim e vendo vindo um novo tempo. Quero agradecer de todo coração, o carinho de tua amizade. E que a nossa união se fortaleça cada vez mais e que continuemos partilhando as nossas inspirações nesta troca de tao agradável de energia.
Desejo que o seu natal seja uma linda festa juntamente com as pessoas que você ama. E seja iluminado e repleto de paz, amor e harmonia. E que 2015 venha recheado de coisas boas e que seja um ano fantástico para você.
Boas festas e tudo de bom!

Beijos.

EU disse...

Um doce de poema. O sorriso é o afago do amor, gesto que alimenta, gesto que apazigua, gesto de dádiva que nos alumia os dias mais sofridos.
Gostei imenso de ler, Carmem
BJO :)

Manuel disse...

Tanta simplicidade na deliciosa magia de um poema!
Desejos, emoções que se deixam esfumar na doçura das palavras.
Bom Natal
🎅🎄🎅🎄🎄🎄🎅🎅

Lu Nogfer disse...

Boa noite queridA amiga!
Pensei que nem tivesse conseguido enviar a mensagem, pois a internet estava falhando muito no dia em que passei aqui. Portanto desculpe alguns errinhos que enviou na insistência de refazer a mensagem.
Agradeço novamente a tua doce presença sempre tão atenciosa nos blogs.

Reafirmo os meus votos de boas festas e um lindo e feliz ano novo!

Beijos e o meu carinho.